Eternally stuck in beta version

Como contornar o erro “Changed too recently” do Google e alterar seus dados pessoais

Eu sempre procurei ser muito cuidadoso com minhas contas de usuário e suas respectivas senhas. Para tanto, faço uso do LastPass há muitos anos, guardando praticamente tudo por lá e gerando senhas complexas, compridas e diferentes para cada uma destas contas. Inclusive, sempre que disponível, associo à senha o recurso de 2 factor authentication, que combina senha e algum outro tipo de recurso adicional de autenticação, como o informe de um código que chega no seu celular, por exemplo.

Muita gente que eu conheço exalta o quanto a geração mais nova se vira bem com tecnologia. Essas crianças de hoje em dia já nascem com os dedos e olhos pré-programados para interagir com tablets, celulares e computadores, no matter what. Embora eu não discorde, devo dizer que aqui em casa, sendo pai de dois filhos, já passei por algumas poucas e boas. Se tomar o caso do meu filho mais novo como exemplo, basta dizer que sempre que ele senta na frente do computador aqui em casa, fica com essa aparência aqui:

Bem. Estava eu de férias em dezembro. Relaxando. Descansando. Meu celular na mão exatamente do meu filho mais novo. “Papai, posso jogar? Papai, posso jogar?“. E eu, é claro, como sempre fiz, deixei o celular com ele. Nada demais, jogar Crossy Road. Pacman 256 e alguns outros games que eu tenho instalados, então, porquê não? Bem…

Sabe aquela fase que toda criança (???) passa, a de querer ser youtuber? Pois é. É a profissão do futuro!

Estou eu ali, lendo, no meu cantinho, achando que meu filho está jogando qualquer um dos joguinhos que ele sempre joga, quando de repente, ele vem me mostrar uma coisa: “Papai, papai! Alterei o seu nome no YouTube!“. Quando olho pra tela do celular, descubro que, de fato, agora meu nome está diferente. Ao invés de Daniel Santos, somente, recebi um sobrenome extraGameplays!

Genial! A única coisa que não me agradou foi o fato de que todas as minhas contas e contatos ficariam com o meu novo nome. “Bem, isso é fácil de resolver“, pensei. Basta que eu acesse o meu perfil pessoal no Google e que faça uma pequena alteração, tirando de lá o nome extra que meu filho me deu. Acontece que um detalhe que eu não reparei até que fosse tarde demais é que Daniel Santos Gameplays não deve ter sido o primeiro nome que meu filho colocou no meu perfil. E o Google é bem crítico com relação a esse aspecto.

Você só pode fazer 3 alterações de nome a cada 90 dias, conforme a política deles. E era óbvio que eu não gostaria de ter que esperar por 3 meses pra mudar meu nome de volta para o que era — ou é. Então resolvi pesquisar por aí e encontrei uma maneira de alterar meu nome sem que tivesse que me preocupar novamente com a mensagem changed too recently.

Como escapar do changed too recently

A coisa é bem simples, na verdade. Envolve o seu perfil no G+ — o Google Plus, aquela rede social que ninguém usa eu não uso, mesmo, então não tem problema.

A primeira coisa a fazer é  acessar o painel de controle da sua conta do Google. Em seguida, procure por um bloco de links denominado account preferences, e, dentre as opções disponíveis, clique em Delete your account or services.

O próximo passo envolve escolher a opção Delete productsO que vamos efetivamente fazer será deletar o perfil do Google Plus. Mas tudo bem, não se preocupe: Se você, ao contrário de mim, utiliza a rede social do Google para alguma interação, nada tema, pois vamos recriar esse perfil logo em seguida.

Para prosseguir ao próximo passo você deverá primeiro fazer login em sua conta do Google, comprovando sua identidade.

Nesta próxima etapa basta clicar sobre o ícone da lixeira que aparece ao lado do Google+.

Será necessário fazer a leitura de algumas observações do Google quanto à exclusão do seu perfil, mas, logo abaixo da tela, você encontrará um botão dizendo Delete Google+.

Vá em frente e clique nele.

Uma vez que seus dados atuais do Google+ tiverem sido deletados, passe à criação de um novo perfil para a rede social. Para isso, acesse o Google+ e, do lado esquerdo da tela, você verá um link dizendo Join Google+, ou, em português, Participar do Google+. Clique sobre o link em questão e você será apresentado a uma tela para preenchimento do seu nome e para clicar na caixinha em que você concorda com a criação do perfil.

Abaixo, reproduzo o que ocorreu no meu caso. Notem que o nome que vem preenchido por padrão é justamente o nome que eu quero alterar. Esta é a próxima coisa que deve ser providenciada, e também, na realidade, a última providência a ser tomada, já que, alterado o nome, basta clicar em Create profile.

Após a criação de um novo perfil do Google+ com o nome já devidamente alterado para o que você quer utilizar, suas informações passarão a figurar conforme a versão corrigida. Para confirmar isso, basta acessar novamente os dados da sua conta do Google. Vejam o meu caso:

Espero que estas instruções sejam úteis para outros casos similares, quer as informações tenham sido alteradas pelo seu filho, ou não. A verdade é que de agora em diante vou tentar ficar um pouquinho mais atento.

 

 

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *