em Software

IE6 no more!!

ie6nomore-logoEu não sou web designer, mas confesso que já ouvi milhares de lamúrias por aí referentes   enorme dificuldade que é trabalhar com navegadores antigos, sobretudo o Internet Explorer 6. Esta versão do navegador da Microsoft, lançada no já distante ano de 2001, ainda se encontra instalada em uma série de computadores por aí afora, e tudo pode permanecer assim por mais uns bons anos, se nada for feito.

Tentando evitar isso ao imaginar uma forma de aniquilar o IE6 da face da Terra para sempre,  eis que o site IE6 No More, criado por representantes de alguns sites da Internet global, entre os quais o Disqus e o Defensio, sugere uma abordagem que considero bem bacana. Copiando um trecho de código para seu website, o webmaster pode fazer com que aqueles visitantes que ainda estão navegando com este arcaico navegador visualizem um banner com opções de navegadores mais modernos, como o Firefox.

É claro que, como a intenção final do serviço é promover uma modernização dos navegadores pela Internet afora, aqueles que preferem se manter fiéis   Microsoft também podem baixar a versão 8 do navegador da empresa. Abaixo, destaco a versão em português da imagem:

Banner em português

Para quem também não é web designer, ou apenas não tem noção de que tipo de experiência pode ter ao navegar a bordo do Internet Explorer 6, o ótimo e divertido IE6ify Bookmarklet pode servir como uma espécie de test drive. Arrastando-o para sua barra de marcadores e pressionando-o algumas vezes, um conjunto de rotinas escritas em Javascript farão com que a aparência de qualquer página fique desastrosa, como aconteceu, por exemplo, por aqui:

Efeito IE6 por aqui...

Efeito IE6 por aqui...

Mas voltando ao IE6 No More, uma questão muito interessante levantada pelo site se refere aos usuários corporativos do antigo navegador.

Em tese, estas pessoas utilizam o Internet Explorer 6 não necessariamente porquê querem fazê-lo, mas sim porquê são forçadas a tanto, devido a algum tipo de norma ou imposição da empresa onde trabalham. Na empresa onde eu trabalho, por exemplo, embora não exista uma imposição propriamente dita, o IE6 é o navegador padrão das máquinas. Infelizmente, pode ser que nestes casos o único jeito seja se contentar com a versão antiga, e rezar para que os responsáveis pelo departamento de TI resolvam atualizar seus parques de computadores.

Escreva um comentário

Comentário