em Crônicas do Cotidiano

Olá, chip da Oi!

Desde o último dia 24 de outubro sou um dos mais novos clientes da Oi, operadora de celular que iniciou suas atividades aqui no estado de São Paulo. Os motivadores para tal decisão se resumem a dois pontos principais.

Primeiro, a curiosidade. Sempre ouvi falar muita coisa a respeito da operadora, e, não vou mentir, na sua grande maioria, coisas positivas. A empresa, por exemplo, sempre defendeu o desbloqueio de aparelhos — inclusive com campanhas muito bem estruturadas —, e tem um slogan que diz “você fica na Oi porquê gosta da OI“. Nada mais justo.

O segundo motivador é financeiro. Para os clientes que comprassem um chip da Oi e se cadastrassem até o final do mês de outubro, a operadora ofereceu uma promoção praticamente irrecusável — e que provocou filas quilométricas em seus quiosques e lojas dos shoppings aqui da cidade: R$ 600 em créditos por mês durante os três primeiros meses de uso, distribuídos em R$ 20 por dia — embora válidos apenas no próprio dia. Estes créditos podem ser gastos em ligações locais para qualquer telefone fixo ou número da Oi, ou ainda em ligações interurbanas usando-se a Telemar (31), para qualquer telefone Oi, seja ele celular ou fixo. E de quebra ainda podem ser enviados torpedos SMS para qualquer operadora.

Aqui em casa temos aproveitado bastante a novidade: Minha esposa principalmente, pois tem entrado em contato com familiares no Nordeste que usama Oi — tanto celular quanto fixo, e que, por sinal, não parecem reclamar nem um pouco do serviço. Aliás, entrando em contato com conhecidos que trabalham em lojas de outras operadoras, também não tenho visto nenhuma reclamação. Todos dizem que a operadora é ótima.

Será que estou cego pela novidade? Apesar de saber que a resposta poder ser, eventualmente, sim, por enquanto estou gostando muito. A única desvantagem que percebi em relação   Claro — operadora da qual tenho um chip ainda não colocado em desuso — é a praticidade desta última ao oferecer um endereço de email para nossos celulares, que pode ser usado a partir de qualquer serviço de correio eletrônico para enviar SMS diretamente para o celular. Nada que não possa ser contornado, é claro, através de serviços gratuitos oferecidos na própria web ou pelo site da operadora.

Agora é só esperar pra ver o que o tempo dirá.

Escreva um comentário

Comentário

  1. Não te preocupa que em breve tu vais ta enfrentando sérios problemas.

    Eu por exemplo não consigo fazer/receber ligações, cobranças indevidas e tantas outras coisas que assim que a portabilidade checar à minha cidade irei mudar da Oi o mais rápido possível.

    Pra tu ter uma idéia, passei 2 dias sem sinal no celular. Liguei pra reclamar e disseram que “isso é normal” e que não podiam fazer nada!

    Estou entrando com uma ação contra a tal…

  2. Também comprei o tal chip e numa conversa com o Lincoln Lamas, o mesmo disparou algo como: Serviço ruim, ligações ruins e instabilidade do sinal.
    Não sou um heavy user de celular, mas realmente nas poucas ligações que tenho feito entre oi-oi, elas já se mostraram realmente ruins e às vezes tento ligar e recebo: rede ocupada.
    Mas, como brasileiro penso: É de graça, então tá bão! 😀

    Abração
    PS. Não consigo mais receber e-mails pelo meu número de celular há tempos na claro!

  3. Realmente não dá para negar que a promoção é muuuuito boa – mesmo que use o número somente no período da promoção. Mas aqui da minha cidade – Campinas/SP – Simplesmente não dá pois o sinal é muito fraco. Pelo que pude perceber, há cobertura somente no centro e nos bairros que o circundam. De resto, é um ou outro bairro que funciona. De que adiante os créditos da promoção se você não consegue originar (ou receber) ligações?

    É uma pena, pois a intenção foi boa…