in Etc

Internet, essa destruidora de lares

E na Grã-Bretanha o número de divórcios está aumentando, sendo este o terceiro ano consecutivo em que isso ocorre. Os especialistas em matrimônio do país estão culpando a Internet como principal motivo para isso. Segundo eles, o problema é que o número de salas de bate-papo e de serviços de relacionamento on-line — como o Orkut e o Multiply — têm aumentado bastante ultimamente. Isso sem contar os meios mais antigos de se encontrar pessoas on-line, como o bom e velho IRC, e até a troca de e-mails.

A reportagem da Folha On-Line menciona que os serviços em si não são necessariamente os (únicos) culpados. Na verdade as pessoas é que acabam reencontrando velhos amigos, reatando contatos da infância, e reencontrando seus primeiros amores: Ou seja, tem gente procurando por suas primeiras namoradas e namorados, e em alguns casos, achando. E, como já dizia aquela musiquinha, “paixão antiga sempre mexe com a gente…”. Mas pessoalmente, não sei se dá pra ir culpando a internet assim.

Basta que se saiba dosar as coisas. Você não precisa se pendurar o tempo inteiro na frente do computador, não é verdade? Até para nós, que usamos o blog pra nos comunicar, isso é fácil de fazer: Troque os posts em excesso por bons filmes bem acompanhado, programas com os amigos e coisas do gênero. Você vai ver que a sua relação vai durar muuuuito mais tempo, já que namorar sempre foi melhor do que jogar uma partida de Counter Strike:)

Mas vamos parar, que isso aqui tá até parecendo consultório sentimental, já!

  • http://netocury.com Neto Cury

    Sabe que já passei por problemas similares com com minha esposa, pois eu ficava a noite toda na internet e deixava-a de canto…
    Codiloko né… ainda bem que sarei hhehhe
    Abraços

  • Toninho

    Pois é Daniels…Eu tive ha pouco tempo sérios problemas com isso, quase terminei meu noivado, mas vi que isso não leva a nada, por este motivo não tenho entrado muito e nem sinto a falta disso…
    Mais vale o amor REAL do que qualquer coisa na net….